Os melhores destinos para astroturismo na província de Cáceres

O astroturismo na província de Cáceres tem um brilho único em Espanha,  no Parque Nacional de Monfragüe, destino Starlight, e em vários locais onde podem ser contempladas a olho nu a Via Láctea, numerosas constelações ou as Perséiades. Um céu limpo impossível na maior parte do país, por causa da poluição luminosa e ambiental.

Pouca densidade populacional e espaços naturais de grande extensão fazem da província de Cáceres um destino ideal para o turismo de estrelas. Para especialistas e para principiantes, para os quais as empresas especializadas irão fazer mudar a forma como veem o céu para sempre.

O Parque Nacional de Monfragüe, entre os poucos Destinos Turísticos Starlight de Espanha

O Parque Nacional de Monfragüe é destacável, pois faz parte dos destinos Starlight, acreditado pelo Instituto de Astrofísica das Canárias com o aval da Unesco e a Organização Mundial do Turismo. A foto do céu estrelado sobre o emblemático Salto del Gitano, publicada pela NASA na altura da obtenção da certificação, não precisa de palavras. A imagem de Oríon na noite de Monfragüe, obra de José Luis Quiñones, deu a volta ao mundo, concedendo a este paraíso da província de Cáceres a auréola mágica da observação de estrelas desde tempos antigos.

orión-monfragüe-NASA

Os horizontes claros e imensos, quase sem nuvens, permitem aproveitar o turismo de estrelas e outros locais de interesse como o castelo de Monfragüe ou Portilla del Tiétar, também impressionantes rente ao céu. Por outro lado, sob a grande cúpula do Observatório Astronómico de Monfragüe, em Torrejón el Rubio, podemos sondar o firmamento nas visitas e atividades didáticas. A verdade é que, em Monfragüe, observar o céu é um grande prazer, tanto de noite como de dia, a contemplar o voo das aves. Não muito longe, Trujillo conta com um planetário que pode ser visitado com marcação.

Miradouros celestes na província de Cáceres

Na Hospedaria Parque de Monfragüe existe uma outra original maneira de interpretar a paisagem estelar, sem necessidade de ser um especialista. É uma rocha de grandes dimensões que à noite é iluminada como por magia, mostrando o mapa do firmamento. Pertence à rede de miradouros celestes da Estremadura, assim como o castelo medieval de Montánchez, na vila de Granadilla e a cidade romana de Cáparra. As suas coordenadas aparecem no programa astronómico Extremadura Buenas Noches, embora sejam fáceis de localizar e estejam situadas em pontos estratégicos.

Mirador celeste en la Hospedería de Monfragüe de Extremadura Buenas Noches. Autor: RN Fotógrafo

São, precisamente, os bons acessos aos destinos que têm contribuído para que um dos céus menos poluídos da Europa brilhe com luz própria. Na província de Cáceres destacam-se sete locais privilegiados, tal como apresenta o guia Extremadura, paisaje de estrellas.

Destinos de astroturismo na província de Cáceres, recantos por descobrir

Arco de Cáparra astroturismo. Autor Esteban Márquez

O Geoparque Villuercas-Ibores-Jara permite apreciar o céu aberto do alto do Pico de las Villuercas, a mais de 1600 metros de altitude. É difícil imaginar que há mais de 600 milhões estivesse submerso e que hoje o acesso seja possível através de uma estrada recém renovada, a um passo de Guadalupe.

Entre os dólmenes de Valencia de Alcántara, a experiência é quase mágica, por essa relação do homem primitivo com o universo. Em plena Reserva da Biosfera Transfronteiriça Tejo-Tajo e serra de San Pedro, localizam-se os conjuntos megalíticos mais bem conservados da Estremadura e a experiência é fascinante.

No norte da Estremadura destaca-se a região de Tierras de Granadilla, distinguida com os miradouros celestes às portas de Granadilla e Cáparra. Muito perto El Anillo, o Centro Internacional de Innovación Deportiva en el Medio Natural, situado numa pequena península na albufeira da barragem de Gabriel y Galán, oferece um céu cheio de possibilidades.

Na serra de Gata, a um passo de Portugal, há lugares maravilhosos rodeados de natureza como Almenara de Gata, ideal para contemplar a Via Láctea no verão. E ainda o castelo de Trevejo, ou qualquer ponto nas estradas panorâmicas da província de Cáceres.

O Vale do Jerte, apesar da proximidade das povoações a um e outro lado, oferece um céu escuro de grande qualidade, especialmente em lugares altos como o Porto de Tornavacas, muito perto de Ávila. Pelo Porto de Honduras, une-se ao Vale do Ambroz, com locais tão fascinantes para o astroturismo como Corral de los Lobos e Pozo de las Nieves em La Garganta, perto de Hervás e Baños de Montemayor.

Todos estes destinos podem ser visitados por conta própria ou guiados por empresas especializadas. Para uma maior imersão no astroturismo, existe uma rede de alojamentos starlight e em Ceclavín,  de titularidade pública, existem uns originais apartamentos rurais inspirados em abrigos pastoris, com forma de observatórios astronómicos. Chamam-se Los Bujíos e estão equipados com telescópios. Por fim, as hospedarias dispõem de uma janela para o firmamento e câmaras de alta sensibilidade.

Los mejores destinos de astroturismo en la provincia de Cáceres

Autor original: Merche R. Rey

Traduzido por Diego Bernal

Fotografía: Juan Carlos Casado y RN Fotógrafo para Extremadura Buenas Noches/Esteban Márquez para planVE

PlanVE la guía de ocio de Extremadura

Publicado en Agosto de 2020

 @Planveando Comunicaciones SL

Turismo Cáceres

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Este sitio usa Akismet para reducir el spam. Aprende cómo se procesan los datos de tus comentarios.