A Extremadura, um destino de turismo LGBTI que apaixona

A Extremadura é para o turismo LGBTI um destino à la carte que apaixona e oferece grandes eventos pela diversidade sexual, mas sobretudo respeito e bom tratamento em toda uma rede de estabelecimentos e serviços sob a etiqueta internacional friendly.

Atualmente, a Extremadura conta com eventos  muito consolidados que provam o seu compromisso LGBTI, como Los Palomos em Badajoz, a Gala Nacional Drag Queen Tomás Bravo em Mérida ou a comemoração estremenha do Orgulho LGBTI, também na capital estremenha.

Mas também uma Extremadura Amable, com mais de 80 estabelecimentos e serviços turísticos que exibem o distintivo friendly, que garante as boas práticas de um setor que o acolhe tão amigavelmente que convida a descobrir o seu rico património cultural, natural e gastronómico confortavelmente à la carte. Um compromisso que faz com que esta jovem Extremadura seja mais amável apesar de não dispor de uma oferta específica de turismo, que a diferencia de destinos de sol e praia ou de festas reivindicativas multitudinárias. Hugo Alonso, da Fundação Triângulo e Extremadura Amable, destaca: “Somos como qualquer outra pessoa – sublinha- apenas exigimos não sentir rejeição”.

Los Palomos, a festa pela diversidade sexual da Estremadura

Se o visitante LGBTI quiser diversão à grande, em maio ou junho pode desfrutar de Los Palomos de Badajoz. A grande festa pela diversidade sexual da Estremadura tem uma origem televisiva. O mediático Gran Wyoming propôs encher a cidade de “pombos coxos” como reação a uma declaração do presidente da câmara naquela altura, Miguel Celdrán. A Fundação Triângulo da Extremadura atendeu o pedido em parceria com a Junta da Extremadura e a própria Câmara Municipal como anfitriã, até se tornar um referente para milhares de pessoas que se divertem no centro monumental de Badajoz ao ritmo da música ao vivo e que cada vez dispõem de uma maior programação complementar.

Uma Estremadura Amável à la carte com locais friendly

Se o visitante LGBTI preferir uma escapadela mais calma e à la carte, pode escolher entre visitar o amplo património histórico-artístico da Extremadura, a sua natureza em estado puro na região com maior número de quilómetros de costa fluvial ou a rica gastronomia. O mesmo que procura também o turismo LGBTI.  Aqui poderão apreciar o respeito absoluto dos estabelecimentos aderentes à rede Extremadura Amable, não sendo espaços exclusivos para eles.

O turismo LGBTI na Extremadura, a um passo de Madrid

Complementos ideais, aliás, para o público LGBTI que visita Madrid, a um passo da Extremadura, atraídos pelos eventos de fama internacional ou bairros que são autênticos símbolo como Chueca e procuram uma escapadela  autêntica num baluarte do turismo de interior como a Estremadura, onde o turismo rural, afirma Fundação Triângulo, abriu um caminho inestimável.

FanCineGay

Se o turista LGBTI preferir uma desculpa de cinema para visitar a Extremadura, tem também um Festival de Cinema Gay e Lésbico, o FanCineGay. Se estiver à procura de outros eventos friendly, no carnaval a referida gala Drag Queen de Mérida ou o inovador desfile de moda de pessoas transexuais estremenhas, modelos por um dia na Praça da Diversidade de Plasencia.

Ainda eventos não específicos,  que atraem o turismo LGBTI, como o Festival Horteralia de Cáceres ou o Festival de Teatro Clássico de Mérida. Cidades, vilas ou locais que não são exclusivos, mas cúmplices numa visita amável que é promovida com stand próprio na Fitur, a Feira Internacional de Turismo de Madrid. Uma aposta na qual o coletivo conta com o apoio firme da Junta da Estremadura e uma sociedade que, contra os estereótipos, tem uma lei histórica de igualdade dos coletivos LGBTI. Inclusivamente, a câmara municipal da capital da Extremadura foi a primeira, a nível nacional, em criar uma Delegação de Diversidade LGBTI. Um turismo, por consequência, em crescimento que segue a tendência internacional,  dez por cento dos viajantes pertencem a um coletivo com especial sensibilidade para apreciar uma Extremadura que apaixona.

Extremadura, un destino de turismo LGBTI que enamora

Autor original: Merche R. Rey

Traduzido por Diego Bernal

Fotografía: Andy Solé/planVE

planVE la guía de ocio de Extremadura

Publicado en maio de 2018

@Planveando Comunicaciones SL

Banner Turismo Junta de Extremadura

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Este sitio usa Akismet para reducir el spam. Aprende cómo se procesan los datos de tus comentarios.