rutas-bicicleta-provincia-cáceres-cáparra

Rotas de bicicleta pela província de Cáceres, um espetáculo sobre duas rodas

As rotas de bicicleta pela província de Cáceres discorrem por trajetos de história e natureza.Passam por montados, florestas, vales e montanhas. Atravessam cultivos, rebanhos ou caminhos de ferro.

Aqui as pedaladas conduzem-nos por um caminho de emoções que alimentam o espírito. Também aos principais cenários turísticos onde relaxar as pernas num passeio, descobrir o património e carregar energia com um petisco.

rutas-bicicleta-provincia-cáceres

Caminhos Naturais e paisagens emblemáticas

Os Caminhos Naturais e Vias Verdes são duas das opções para pedalar na Estremadura. Os primeiros foram traçados sobre antigas vias de transporte como as do comboio e pecuárias, canais e sendas.

Um deles é o corredor Cáceres-Badajoz que une as duas províncias e tem 176 quilómetros entre o bairro de Aldea Moret de Cáceres e Valverde de Leganés. Passa pelo Monumento Natural de Los Barruecos e o seu Museu Vostell.

O Caminho Natural do Tejo nasce em Teruel e termina em Cedillo, na fronteira com Portugal. Adentra-se na província de Cáceres a partir de Puente del Arzobispo (Toledo) por Villar del Pedroso, famoso pelo seu original Carnaval de Ânimas. Oferece um percurso espetacular por Villarreal de San Carlos no Parque Nacional de Monfragüe, o Parque Natural do Tejo Tajo Internacional e a ponte de Alcántara

eurovelo-en-extremadura-hervás

Castañar Gallegos de Hervás. Foto: Andy Solé – PLANVE

Vias Verdes sobre antigas linhas do comboio

As Vias Verdes recuperaram troços dos caminhos de ferro para ciclistas, cavaleiros e caminhantes. A de La Jayona une Cáceres e Badajoz em 58 quilómetros entre Logrosán, no Geoparque Villuercas Ibores Jara que é um dos sítios UNESCO da Estremadura e Villanueva de La Serena.

De Logrosán parte a via verde de Las Villuercas até Guadalupe, uma das mais belas aldeias de Espanha, num percurso de 70 quilómetros.

E ainda a via verde de Monfragüe (17 quilómetros) desde Las Habazas no cruzamento da EX 208, a uns dois quilómetros da estação de comboio de Monfragüe, que chega a Malpartida de Plasencia. A imponente silhueta da igreja de São João Batista, Bem de Interesse Cultural, avisará de que já falta pouco para chegar à vila e nos últimos quilómetros os ciclistas aproximam-se do misterioso palacete de Haza de la Concepción 

Vía Verde da Prata conecta Cáceres e Salamanca. Inicia em Casas del Monte e passa por Hervás e Baños de Montemayor até Béjar, finalizando o itinerário em Navalmoral de Béjar. Em terras de Cáceres tem como tela de fundo o Vale do Ambroz e as suas belas florestas,   quando o projeto de recuperação for concluído continuará até Plasencia, seguindo o traçado do histórico comboio Plasencia-Astorga.

Uma delícia para ciclistas e caminhantes, bem sinalizada. Nos últimos anos foram habilitados 23 quilómetros de Baños de Montemayor a Casas del Monte, con surpresas como passar por um túnel no troço de Baños a Puerto de Béjar, que é iluminado para a passagem de caminhantes e ciclistas.

Eurovelo, a joia europeia para pedalar

Dos 1.400 quilómetros do percurso Eurovelo 1 que existem em Espanha, 354 passam pela Estremadura e 186 ficam na província de Cáceres. Um trajeto para fazer paragens imprescindíveis para visitar Cáceres Património Mundial, o Parque Nacional de Monfragüe, o Parque Natural Tejo Tajo Internacional o as rotas do Queijo da Estremadura e do Presunto Ibérico.

O Eurovelo 1 é o grande itinerário que conecta Europa e é uma joia para ciclistas.

Centros BTT ao serviço dos ciclistas

Os centros BTT são espaços para obter informações sobre as rotas de bicicleta e outras opções de turismo como caminhadas, equitação, observação de aves e estrelas. Alguns têm serviço de aluguer de bicicletas e complementos, pontos de lavagem e reparação de emergência e chuveiros.

O melhor é informar-se previamente sobre a disponibilidade e os horários de atenção ao público.

O Centro BTT de Monfragüe, em Torrejón el Rubio está localizado no centro sul de visitantes do Parque Nacional de Monfragüe (telefone +34 927 45 52 92). Tem 12 rotas que somam mais de 350 quilómetros marcados por GPS por uma das mais emblemáticas paisagens da Europa.

A do Vale do Jerte em Cabezuela foi homologado pela International Mountain Bicycling Association e tem seis percursos com um total de 160 quilómetros que permitem a deslocação entre as localidades da região. Para solicitar informação pode telefonar para +34 927 471 100.

O Centro BTT da Serra de Gata conta com 233 quilómetros repartidos em 10 rotas  para pedalar pelos seus vales e subir e descer montanhas. O contacto para informações é +34 927 514 110.

O BTT da Serra de Montánchez e Tamuja está em Montánchez controla cinco rotas com um total de 67 quilómetros por uma paragem natural de grande potencial ecológica e paisagística. Para informação pode ligar para +34 927 380 763 e +34 927 380 001.

O centro BTT de Cáparra em El Anillo de Gabriel e Galán, está pendente de melhorias.  Vão unir-se também os do Ambroz e Tejo Internacional.

Se vier sem bicicleta, existem empresas que facilitam o aluguer de material e também o serviço de guia.

A pé, de bicicleta ou como preferir, colecione momentos na província de Cáceres, porque a bagagem do regresso é mais importante do que a bagagem da ida.

Turismo Cáceres

Rutas en bicicleta por la provincia de Cáceres, un espectáculo sobre dos ruedas

Autor original: Pilar Armero

Traduzido por Diego Bernal 

Fotografías: Andy Solé

Publicado en septiembre de 2020

©Planveando Comunicaciones SL

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Este sitio usa Akismet para reducir el spam. Aprende cómo se procesan los datos de tus comentarios.